sábado, 21 de janeiro de 2012

Daqui pra lá e de lá pra cá, sem complicação

34º dia de Pós!

Uma semana  de trabalho com uma recepção calorosa dos amigos. A repercussão foi tamanha!
Me diverti com a reação das pessoas tentando me reconhecer...
Fui feliz em receber elogios diversos dos meninos, alguns deles não entendem direito o que de fato eu fiz, mas dizem: "a sra. tá diferente ... eu não sei o que é... mas tá bonita viu!" gosto de ouvir isto.
E partindo do pré-suposto de que os homens não tem o poder de perceber detalhes nas mulheres, é muito bom ser notada em massa por pessoas de diferentes pontos de vista e cultura.

A Obra é o meu habitat! e ser vítima de uma transformação absurda como a minha, e me sentir aceita e admirada por pessoas que passam o dia inteiro comigo, me respeitam e obedecem, é inquestionavelmente reconfortante.

De volta à ativa sim! atuei em minhas atividades como se nada tivesse ficado pra traz, me senti como se o tempo tivesse parado pra mim, e me esperado retornar e assumir minhas responsabilidades.

O divertido são as comparações...
alguns dos meninos dizem que estou parecendo uma pirralha e brincam com piadas do tipo: "pode entrar criança na Obra, pode?" é um barato! me sentir mais jovem às vésperas de completar 25...

Minha rotina mudou completamente! tenho de associar minha vida pessoal, meus estudos, meu trabalho e minhas idas e vindas do consultório e atrelar tudo isto aos meus exercícios diários.
Agora tenho de acordar cedo e fazer meus primeiros exercícios, e ter de repeti-los no segundo horário na Obra, meus amigos adoram minhas caretas e me ameaçaram tirar fotos...enfim, não uso meu intervalo para descansar... eu não paro! mas eu gosto....

Hoje fiz mais uma seção de fisio e tenho 90% das bochechas reabilitadas!
O mais lento mesmo são os lábios, mas fui orientada a manter os exercícios labial com mais intensidade.
Eu não sabia que um dos riscos da Ortognática era a não reabilitação de sensibilidade em alguns trechos  facial, mas eu estou confiante... Acredito piamente que Deus não deixa uma obra inacabada.
Acredito na medicina e na sabedoria dos homens, e segundo eles, tenho chances de ter de volta minha total sensibilidade facial, pois tenho apenas 24 anos e trata-se de um pequeno trecho do lábio inferior esquerdo e  queixo respectivamente; há relatos de pacientes com um ano de pós se reabilitaram completamente.

Consegui abrir a boca 37,5mm!!! falta pooooouco....


                                            minha primeira liberação de concreto pós ortog.

até a próxima!



by.




Nenhum comentário: